Certificações

Certificação Leed e Procel Edifica

Quais são os critérios de certificação LEED?

A certificação LEED é concedida a edifícios de alta performance ambiental e energética, ou seja, não contempla uma análise dos aspectos sociais. Pelo sistema LEED 2009, atualmente vigente, é necessária a obtenção de um mínimo de 40 pontos (de um máximo de 110 pontos), além do atendimento dos chamados Pré-Requisitos, que são obrigatórios e variam de tipologia a tipologia.

Créditos e Pré-Requisitos são distribuídos dentro de 7 categorias:

  • Implantação Sustentável (Sustainable Sites)
  • Eficiência Hídrica (Water Efficiency)
  • Energia e Atmosfera (Energy and Athmosphere)
  • Materiais e Recursos (Materials and Resources)
  • Conforto Ambiental (Environmental Quality)
  • Inovação e Projeto (Inovation and Design)
  • Créditos Regionais (Regional Credits)

Para se ter certeza de que um empreendimento está apto a receber a certificação, recomenda-se a realização de uma Análise Diagnóstica, de modo a verificar a viabilidade técnico-economica para obtenção da certificação. Nesta Análise, realiza-se uma avaliação do empreendimento, de acordo com os critérios do sistema LEED e verifica-se a possibilidade de atendimento aos Pré-Requisitos obrigatórios e ao numero mínimo de 40 pontos.

A quem compete conceder a certificação LEED?

A certificação é outorgada pelo GBCI (Green Building Council Institute), sediado nos Estados Unidos, através da análise documental do empreendimento.

Os chamados LEED APs (Accredited Professionals: Profissionais Acreditados) são profissionais que atestaram conhecimento suficiente sobre o sistema e podem auxiliar na condução do processo de certificação, funcionando como facilitadores e gestores do processo. Contudo, a participação de um LEED AP não é obrigatória para a certificação, mas sim estimulada pela obtenção de um crédito adicional ao processo. O Brasil possui mais de 60 profissionais LEED APs e em torno de 10 empresas de consultoria para certificação (dados de setembro de 2009).

Quais os pré-requisitos necessários para um profissional se qualificar a prestar consultoria para a certificação LEED?

Não há pré-requisitos obrigatórios, impostos pelo USGBC ou pelo GBCI para a prestação de serviços de consultoria, mas o mercado tem sido seletivo em escolher empresas e profissionais experientes e especialistas no sistema (de preferência LEED APs), e conhecedores de estratégias para a sustentabilidade na construção civil nas áreas de energia, materiais, água, conforto ambiental e implantação. O gestor, sem dúvida, precisa ter perfil para trabalho em equipe e liderança. Também, de fundamental importância são a ética e idoneidade do profissional na preparação da documentação a ser encaminhada para análise do GBCI.

Quais as etapas necessárias para a obtenção desta certificação junto ao GBCI?

O processo de certificação é todo realizado por meio de uma plataforma on-line do GBCI, através do preenchimento de formulários, planilhas e envio de documentação digital, como projetos, memórias de cálculo, relatórios e registros fotográficos. O processo tem inicio com o Registro do Projeto, quando são fornecidos os dados gerais do empreendimento. Na seqüência, toda a documentação da fase Projeto é coletada e inserida na plataforma para a pré analise da certificação. Ao término da obra, a documentação da fase Construção é inserida na plataforma e informações da fase Projeto podem ser corrigidas e atualizadas. Feito isto, o GBCI irá analisar toda a documentação e conceder ou não a certificação.

Quais são as categorias de certificação LEED?

Para o sistema LEED 2009, dependendo da pontuação do empreendimento, este irá ser premiado com a certificação nas seguintes categorias:

  • Certificado: 40 a 49 pontos
  • Prata: 50 a 59 pontos
  • Ouro: 60 a 79 pontos
  • Platina: 80 a 110 pontos

Qual o numero de empreendimentos com certificação LEED no Brasil?

Em novembro de 2009, havia mais de 150 empreendimentos buscando a certificação LEED no Brasil, e 11 empreendimentos já certificados.

Como se comportaram a velocidade e o índice de vendas dos Green Buildings após seus lançamentos?
(fonte: Revista Infra)

Nos EUA, onde a certificação LEED® está consolidada há anos, os empreendimentos continuam apresentando uma velocidade de venda 3,5% superior aos demais. No Brasil, empreendimentos comerciais pré-certificados na categoria LEED® CS e que trabalharam a pré-venda comercial (dando ênfase à busca da certificação LEED® e suas características de sustentabilidade e eficiência), são referência nacional no quesito de velocidade de ocupação.

Entenda as Tipologias do LEED
(fonte: Revista Infra)

LEED NC® (New Constructions): para novas construções ou grandes reformas. Elaborado para guiar projetos que se distinguem por sua alta performance (energia, água, qualidade ambiental interna, produtividade, etc.). Pode ser usado para prédios comerciais, residenciais, governamentais, instalações recreativas, laboratórios e plantas industriais.

LEED CS® (Core & Shell): nesta modalidade, certifica-se toda a envoltória do empreendimento, suas áreas comuns e internamente, o sistema de ar condicionado e elevadores. É utilizado por construtores e incorporadores que estão desenvolvendo o projeto para posterior comercialização de suas salas, garantindo ao futuro usuário que suas instalações ofereçam todas as condições para alta performance do empreendimento. Foi desenvolvido para ser complementado pelo LEED CI® (Commercial Interior). Ocorre que o construtor e incorporador destes empreendimentos que serão futuramente comercializados não podem se comprometer em relação ao modo que o futuro usuário ocupará as salas comercializadas. Pré-certificação: a pré-certificação se faz presente apenas nos projetos registrados na modalidade LEED CS®. Trata-se de um reconhecimento formal de que o empreendedor estabeleceu metas para o desenvolvimento de um empreendimento certificado LEED CS®. Tendo em vista o caráter comercial destes empreendimentos, depois de pré-certificado, o empreendedor poderá fazer a divulgação visando a pré-venda do empreendimento ou facilidades de financiamentos. Concluído o processo de auditoria do empreendimento, tendo o empreendedor cumprido todas as metas por ele apresentadas, o empreendimento receberá a certificação LEED CS®.

LEED CI® (Commercial Interiors): para interiores comerciais. Foi desenvolvido para garantir a alta performance dos interiores em termos de ambiente saudável, locais de trabalho produtivos, baixo custo de manutenção e operação e redução do impacto ambiental. Oferece aos usuários, arquitetos de interiores e designers, a possibilidade de criar ambientes sustentáveis, independente de não poderem atuar na operação de todo o prédio.

LEED ND® (Neighbourhood Developments): o sistema de certificação LEED ND®, para bairros e desenvolvimento de comunidades, integra os princípios do crescimento inteligente, urbanismo e construção sustentável para a concepção de bairros. A certificação LEED ND® requisita que o desenvolvimento da localização e concepção do empreendimento cumpra elevados níveis de responsabilidade ambiental e social.

LEED Schools®: este sistema reconhece o caráter único da concepção e construção de escolas. Baseado no sistema de certificação LEED NC®, aborda questões como a sala de aula, acústica, planejamento central, prevenção contra mofo e avaliação ambiental do local. Ao abordar a singularidade dos espaços escolares e as questões de saúde infantil, ele fornece uma única e abrangente ferramenta para as escolas que pretendem construir de forma sustentável, com resultados mensuráveis.

LEED EB® (Existing Buildings): específico para edifícios existentes, ajuda os proprietários e operadores a medir suas operações, fazer melhorias na manutenção em uma escala consciente, com o objetivo de maximizar a eficiência operacional e minimizar os impactos ambientais. Aborda em todo o edifício questões de limpeza e manutenção, programas de reciclagem, programas de manutenção exterior e atualização de sistemas, podendo ser aplicado tanto para edifícios existentes que procuram a certificação LEED EB® pela primeira vez quanto para projetos previamente certificados no âmbito de outros Sistemas de Certificação LEED®, como LEED NC®, LEED Schools®, LEED CS® e LEED EB® (em caso de renovação).